Exposição “A lata como matriz da gravura em metal” de Jocatos – Espaço Cultural Banco da Amazônia

Exposição “Grafias” – Espaço Cultural Banco da Amazônia

Artistas paraenses no Canadá – Estampe Amazonienne

Dia 30 de outubro abre a exposição coletiva Estampe Amazonienne, como curadoria de Armando Sobral, em Quebec no Canadá. “Doze artistas paraenses já participaram do programa de intercâmbio coordenado pelo IAP desde 2007: 09 em duas exposições coletivas e três em seu programa de residência. Novas fronteiras internacionais para a produção artística paraense é missão e compromisso do Instituto de Artes do Pará” escreve o curador da exposição via e-mail. Importante intercâmbio para a arte feita no Pará, em especial para os gravuristas, segmento artístico do qual o curador é um expoente, fomentador e um dos maiores especialistas brasileiros. Artistas como os marabaenses Antonio Botelho e Marcone Moreira, os mestres Diô Vianna Moraes Rêgo e Jocatos, e a nova geração da gravura Elaine Arruda e Egon Pacheco participam com suas obras. O IAP, onde Armando Sobral é gerente de artes plásticas, é o dos maiores pólos de formação, pesquisa e difusão da arte contemporânea paraense, iniciado há uma década pelo grande João de Jesus Paes Loureiro, e seu fortalecimento é imprescindível para a continuidade deste grande projeto de intercâmbio e das bolsas de pesquisa em arte.

Projeto Rios de Terras e Águas: navegar é preciso

design do site rios de terras e aguas...

“O projeto Rios de Terras e Águas: navegar é preciso foi idealizado pelas pesquisadoras Janice Lima, Marisa Mokarzel e Simone Moura e tem como objetivo documentar e difundir a obra de seis artistas contemporâneos do Pará que se encontram interligadas por questões patrimoniais, culturais e artísticas.

O projeto foi selecionado e financiado pelo Programa Petrobrás Cultural na categoria Formação/Educação para as Artes: Materiais e Documentação. Teve como proponente a Fundação Instituto para o Desenvolvimento da Amazônia – FIDESA e como parceira a Universidade da Amazônia – UNAMA.” (fonte: site do projeto)

O site do projeto é aqui: Rios de terras e águas: navegar é preciso

Esses são os vídeos, com uma das idealizadoras do projeto Mariza Mokarzel e os artistas pesquisados:

“Poltrona para Assistir a Máquina do Som!…Toque, meus discos…” do artista JOCATOS

Abertura dia 12 de maio às 19:30 h

Local Sala Gratuliano Bibas

Período da : 13 de maio a 13 de junho

Local:Sala Valdir Sarubbi de terça a domingo, das 10h às 16h


Mais informações sobre a mostra no blog : http://museucasadasonzejanelas.blogspot.com/

O Artista:

Natural de Belém do Pará. Designer, Gravador, Pintor, Escultor e Educador, o artista Jocatos, João Carlos Tores , tem especialização em Estudos Culturais da Amazônia pela Universidade Federal do Pará UFPA, com mostras e premiações artísticas em salões. bienais e acervos em museus locais, nacionais e internacionais. Desenvolve experiências pedagógicas em arte, através de instituições que atuam em projetos sociais e comunitários; Pesquisa de matérias biodegradáveis para a criação de design, e a sua aplicação na produção de seus trabalhos.
Mais informações sobre o artista: visite o blog Arte Vida – jocatos.blogspot.com

O Prêmio:

O Edital Prêmio Secult de Artes Visuais 2009/2010 teve como premissa selecionar 8 projetos de artistas visuais e/ou curadores para realização de exposições individuais e/ou coletivas, no Museu Casa das Onze Janelas do Sistema Integrado de Museus e Memoriais da Secult .
Sendo que, as exposições deveriam contemplar artistas e/ou curadores inscritos em todo o território nacional, para que se obtivesse um panorama abrangente da produção na área de artes visuais, cabendo à Comissão Selecionadora, a avaliação e seleção das propostas inscritas, obedecendo ao seguinte critério: 70% das pautas oferecidas seriam destinadas aos artistas visuais paraenses e 30% das pautas aos artistas visuais de outros Estados da União.
Sendo assim, a comissão selecionou e premiou os 08 projetos abaixo relacionados:

06 PROJETOS PARAENSES SELECIONADOS:

“Razões do Corpo” de Elieni Tenório – Proponente: Elieni Tenório Soares – Belém-PA

“A Pele do Invisível” de Pablo Mufarrej e Ricardo Macêdo – Proponente: Pablo José de Souza Mufarrej – Belém-PA

“Mais Rapidamente para o Paraíso” de Luciana Magno – Proponente: Luciana Loureiro F. Magno – Belém-PA

“Margem” de Marcone Moreira – Proponente: Marcone José Moreira – Marabá-PA

“Poltrona para Assistir a Máquina do Som!…Toque, meus discos…” de Jocatos – Proponente: João Carlos Torres da Silva – Belém-PA

“Antes de Ver Reveja” de Nailana Thiely – Proponente Nailana Thiely Salomão Pereira – Belém-PA

02 PROJETOS SELECIONADOS DE OUTROS ESTADOS:

“ Revanche” de Laerte Ramos – Proponente :Laerte Gomes da Cunha Ramos – São Paulo-SP

“Obrigação do Horizonte 2” de Bruno Vieira – Proponente :Bruno Vieira de Brito – Recife-PE