“Paisagens Engolidas” de Véronique Isabelle – Exposição e Defesa de Mestrado

vero

P a i s a g e n s   e n g o l i d a s   é uma exposição que integra a defesa de Mestrado em antropologia da artista canadense Véronique Isabelle, de título “Mergulhar nas águas e trilhar o Porto do Sal, ensaios sobre um percurso etnográfico”, realizado na Universidade Federal do Pará, sob a orientação do Prof. Dr. Flávio Leonel da Silveira. A defesa acontecerá terça-feira (23/07) na Casa Rosada, às 10h da manhã e, em seguida, a exposição será aberta ao público. A visitação vai de 11h às 18h, somente no dia 23 de julho.

A exposição reúne trabalhos produzidos no decorrer dos dois anos de pesquisa da artista no Porto do Sal, onde a arte se apresenta como meio de inserção e imersão em suas paisagens portuárias. As obras se apresentam como um conjunto de encontros gravados, inscritos, desenhados, pintados que possuem um caráter documental próprio, testemunham um tempo compartilhado, se configuram como experiência artística singular.

vero 2

“As minhas deambulações nas paisagens do Porto do Sal e os encontros com as pessoas me levaram a descobrir um universo rico e diversificado de conhecimentos e de modos de viver”. O porto concentra várias realidades presentes na cidade de Belém, além de possuir uma forte relação com as culturas ribeirinhas da região e com o universo da pesca artesanal. As suas imediações apresentam construções de moradias onde diversas famílias vivem, bem como o comércio formal e informal – onde o tráfico de drogas, a prostituição, as festas de technobrega convivem no cotidiano dos moradores e trabalhadores.  “A partir da pesquisa que realizei no local, foi possível conhecer algumas dessas realidades que passam facilmente despercebidas, ampliando assim a compreensão deste contexto social, bem como de aspectos da cultura amazônica contemporânea em meio urbano”.

Mais do que uma apropriação do lugar, a mostra compartilha a experiência do encontro com o Outro e suas paisagens. É um convite para trilhar o Porto do Sal e mergulhar neste universo complexo, muitas vezes invisível, a partir de uma experiência singular.

vero defesa

559802_10200701308205790_1912767096_nVéronique Isabelle (1983) – Mestre em Antropologia Social pelo PPGA / Universidade Federal do Pará.  Bacharel em Artes Visuais formada pela Université Laval (Québec) e École Supérieure des Beaux-Arts de Marseille (France) / Membro ativa do Coletivo do Atelier do Porto. Principais Exposições : Exposições solos de pintura: “Larguer les Amarres” -2005 e “Le quai et l’écho -2008 na Galerie 67, em Québec (Canadá); Exposições Coletivas : “Beautifull Étranger” – 2006 na Galeria Mongrand em Marselha, França; 26° Simpósio Internacional de Arte Contemporânea de Baie-St-Paul -2008 (Canadá); “Realidades Transitórias” – 2008, apresentada na Casa das 11 Janelas, em Belém; “Paná Paná” – 2010, na Galeria Théodoro Braga, em duo com Elaine Arruda ; “Entre nós” apresentada no Fotoativa com o duo VeryWell (com Elaine Arruda) ; SP Estampa – 2011, com o duo Very Well ; “Gravura contemporânea no Para”- CCBEU, em Belém; XXX Salão Arte Pará como artista convidada com Elaine Arruda; “Vento Norte” na Galeria Brasileira, em São Paulo – 2012, organizou e participou do projeto “Coletiva/Coletivos” reunindo três exposições coletivas e ciclos de conferencia ;  participou também de diversas outras exposições coletivas na França, no Brasil e no Canadá.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s